Alternate History of Europe – THE MOVIE – Season 1: "Varna"

Just another WordPress site

Alternate History of Europe – THE MOVIE – Season 1: "Varna"

Esta é uma compilação de todos os episódios da História Alternativa da Europa: Temporada 1 – “Varna”. Note que a qualidade do mapa e caixa de texto muda constantemente durante o vídeo por causa da diferença entre a produção dos episódios. É recomendado assistir em tela cheia e com fones de ouvido Otomanos: O-o quê? Você venceu a batalha? Hungria: Apesar de a maior parte dos “combatentes” não estarem ajudando muito, você estava em grande desvantagem Otomanos: Bem, não importa; eu continuarei lutando pela minha causa! Allahu akbar! Polônia: Não espere poder manter sua promessa. Deus vult! Rebeldes: Acabem com a opressão! Nós estamos com vocês, cruzados! Deus vult! Império Bizantino: Finalmente… eu serei livre novamente! Os cruzados chegaram a Constantinopla! Glória a Roma! Valáquia: Hã, eu não sei se vocês notaram, mas os Otomanos estão nos flanqueando com um exército enorme Áustria: Não se preocupe com isso, Valáquia. Já é hora de nós contribuirmos para essa guerra de qualquer modo Otomanos: O quê? Os alemães tinham que chegar agora, justo quando eu ia cortar a linha deles? Otomanos: Eu não pensei que eles fossem realmente mandar tropas em primeiro lugar Boêmia: Podemos discutir isso na conferência de paz, na qual você não terá influência, é claro Otomanos: Meu último exército recuou para a Anatólia. Aqui, eu preciso recompor minhas forças Otomanos: Essa é a minha última chance. Eu apenas preciso de algumas semanas para reorganizar meus exércitos Otomanos: O quê? Mamelucos: Sinto muito, meu caro inimigo, eu apenas não podia perder essa oportunidade! Otomanos: Minha capital foi capturada. Minhas forças estão destruídas. Meu povo está se revoltando nas ruas. Eu não controlo mais nenhuma cidade nos Bálcãs Otomanos: Eu falhei Tratado de Constantinopla: – A Valáquia se tornará independente por completo e anexará regiões próximas à fronteira – A Moldávia anexará partes da Dobruja – A Hungria anexará regiões próximas ao Danúbio – Epiro, Atenas, Moreia e Trebizonda se unirão ao Império Bizantino – O Império Bizantino anexará a maior parte da Grécia e a Anatólia setentrional – A Bulgária se tornará independente – Gênova anexará vários portos – O resto da Macedônia setentrional se unirá à Sérvia – Os Mamelucos anexarão a Anatólia oriental e um porto na Anatólia meridional – Os Otomanos e a Caramânia se unirão sob este último para reformar o Sultanado de Rûm Sérvia: A Hungria tomou minhas terras… como se não fosse nada. Ela tem sorte de estar sob a Polônia agora, pois eu conheço pessoas nessa região que também não são fãs dela Mamelucos: Rûm pode se tornar uma ameaça maior agora. A Polônia já é uma… eu preciso me tornar mais forte eu mesmo então Tratado de Sirte – Os Mamelucos anexarão a Líbia França: A Inglaterra está tendo ganhos na Bretanha e está me derrotando em Bordéus França: É hora de mudar isso, não estou certo, meus aliados? Escócia e Castela: Está sim, abaixo a Inglaterra! Castela: Desculpe, você está em meu caminho Aragão: Essa agressão não será mais tolerada, Castela Inglaterra: Ok, apesar de eu derrotar a Escócia, o resto da guerra não está indo bem Inglaterra: A França tem exércitos enormes, e derrotaram os meus que defendiam Nantes Inglaterra: Aragão está indo bem na Múrcia, mas está perdendo em outros frontes Inglaterra: Talvez eu possa reduzir a luta para um contra um novamente… talvez até dois contra um, hehe Nápoles: Já chega, Aragão Nápoles: Eu acabei de perder metade do meu exército lutando em Provença pela causa de alguém que me conquistou a apenas oito anos Nápoles: Aquela foi a gota d’água, e eu serei livre. E eu espero que mais alguém aqui siga meu exemplo Sardenha: Correto. Ninguém pode realmente controlar o Mediterrâneo! Aragão: Meus exércitos se cansaram de marchar pela Andaluzia e Valência foi capturada Aragão: Se orgulhem dessa vitória. E a Sardenha estava certa… Ninguém pode realmente controlar o Mediterrâneo Tratado de Barcelona: – Castela anexará Navarra – Aragão cederá Valência à Castela – Aragão cederá Rossilhão à França – Aragão cederá a Sicília a Nápoles – Aragão cederá as Ilhas Baleares à Sardenha – Aragão dará independência a Nápoles e à Sardenha – Aragão dará independência a Barcelona Reino de Barcelona: País independente Inglaterra: Muito bem… Portugal! Eu chamo por sua ajuda nestes tempos de guerra! Portugal: Portugal: Isso… não é bom Portugal: Isso realmente não é bom Portugal: Eu… nós já estamos todos condenados, e eu ainda tenho que lutar uma guerra Portugal: E o pior de tudo… é que… o que vai acontecer… junto com a invasão inglesa Portugal: Eu preciso fazer alguma coisa Portugal: Mas, se eu quero fazer isso, eu preciso ajudar os dois Portugal: Isso vai ser difícil, mas eu não posso perder minha proteção contra esses bárbaros ao sul. Especialmente o Marrocos Portugal: Castela, nós precisamos conversar Portugal: Inglaterra, eu aceito seu pedido de ajuda Castela: Oh, não… parece que os portugueses ocuparam minha capital Castela: Então, eu vou ter que me render Inglaterra: Você fez um belo trabalho, Portugal, apesar de eu não saber como. Você deveria me contar seus métodos algum dia

Inglaterra: Mas por agora, eu vou deixar você cuidar do tratado Portugal: É… um dia eu vou, Inglaterra Tratado de Porto: – Castela cederá a Galiza à Portugal – Castela irá sair da Guerra dos Cem Anos União de Portugal e da Galiza: País independente França: Castela! Por que você saiu da guerra? Por que você se rendeu?! França: Como você deixou isso acontecer? Suas tropas iam simplesmente destruir eles! Eu até estava mandando reforços! França: Você é tão incompetente quanto a Escócia foi! Ah, eu vou te mostrar eu posso ganhar isso sozinho! Eu vou te mostrar quem manda aq- Terremoto Navarrense de 1451 – Escala Richter Barcelona: Inferno! Esse é até pior do terremoto queaconteceu aqui há duas décadas! França: NÃO! Eu tinha tropas cruzando enquanto elas saíam de Castela! Todos fugiram! Minha defesa em Bordéus está enfraquecida! Castela: Portugal- é, Portugaliza, você estava certo no final. Era perigoso eu continuar na guerra. Apesar de eu já ter te dado a Galiza, eu vou ser grato para sempre Inglaterra: Sim! O exército francês foi danificado pela deserção quase total lá! Essa é a chance pela qual eu estava esperando! Inglaterra: O quê? O que esse covarde está fazendo? O que isso quer dizer? Borgonha: Nos encontramos de novo, Inglaterra. Eu entrei por causa de apenas uma coisa: Calais Borgonha: Você já ganhou essa guerra. Mas agora é hora de acabá-la. Você não tem mais aliados, Inglaterra. Só acabe com isso Inglaterra: Ah, França. Você não consegue ganhar isso sozinha, não é? Bem… como eu não quero lutar com todos esses idiotas, faremos paz. Mas nos MEUS termos Tratado de Nantes: – A França cederá a Normandia à Inglaterra – A Bretanha se tornará um vassalo inglês – A França anexará Bordéus – Artois anexará Calais – A Escócia cederá seu sul à Inglaterra – Os ingleses revogarão suas pretensões ao trono francês – Provença se tornará completamente independente Bósnia: A Bósnia deve ser unida de uma vez. Só assim poderemos ser páreos para países fortes como a Polônia Bósnia: …Nos tornando fortes nós mesmos Tratado de Sarajevo: – A Sérvia anexará Zeta – A Herzegovina cederá a Travúnia e regiões próximas à Serbia – O resto da Herzegovina será anexada pela Bósnia Sérvia: A nossa aliança valeu a pena, Bósnia. Eu espero que nós cooperaremos mais no futuro Veneza: Meus espiões me informaram que a Bósnia tem um pacto com a Sérvia. Muito bem Veneza: Isso pode ser ruim, pois a Bósnia tem suas ambições sobre a Dalmácia e a Sérvia pode querer Durrês… Hm Nápoles: Vejo que você tem um probleminha, Veneza. Mas eu posso te ajudar Veneza: …O que você quer de mim agora?! Nápoles: Calma. Eu só quero te oferecer uma aliança, Veneza Veneza: E por que eu iria querer me aliar a alguém como você? Nápoles: Você está me subestimando. Eu vou te demonstrar o meu poder rapidamente Veneza: Você não é tão ruim, eu admito Veneza: Eu aceito sua oferta Tratado de Vlorë – A Albânia será dividida entre Nápoles, Veneza e o Império Bizantino Delhi: Meu Deus… está acontecendo! Delhi: Preparem-se, irmãos! Delhi: O Império Timúrida. Um dia temidos por toda a Pérsia, Índia e Ásia Central Delhi: Um Império que só foi parado pelos Otomanos. Ironicamente, estes também já se foram Delhi: Nenhum império dura para sempre Delhi: E, após 85 anos de existência, os Timúridas provaram não ser exceção Delhi: Mas é certo que, de Ancara a Cabul, eles deixaram uma grande marca sobre a Ásia Delhi: Mas quem sucederá eles como o grande poder da Rota da Seda? O mundo saberá em breve Canato de Kokand: País independente Canato da Transoxiana: País independente Sultanado do Baltistão: País independente Chagatai: Muito gentil de você, criando um país nas terras sob minha ocupação Chagatai: Isso só significa mais para mim, o sucessor legítimo de Gengis Khan e do Império Mongol Sultanado do Afeganistão: País independente Sultanado do Sistão: País independente Reino do Baluchistão: País independente Baluchistão: Saia. Do. Meu. Território Sind: Me faz sair Dinastia Nerásida: País independente

Dinastia Hamânida: País independente Canato de Khiva: País independente Sind: Vejo que você não é tão ruim no campo de batalha quanto eu pensei. Paz? Baluchistão: Agora que eu tomei sua capital você quer paz, hein? Mas tudo bem. Eu preciso reconstruir essa nação Tratado de Tashkent: – Kokand será anexado por Chagatai – Transoxiana dará independência a Bucara – Khiva anexará a Corásmia Canato de Bucara: País independente – Transoxiana cederá Dushanbe aos Chagatai Reino do Tabaristão: País independente Sultanado do Coração: País independente Delhi: Os Timúridas serão apenas uma memória de agora em diante. Mas o legado deles é eterno Delhi: Já que agora, a Ásia Central não é muito mais do que um monte de países que se odeiam Delhi: Pelo menos me dá uma nova rota de expansão pra restaurar a minha glória, e a dos meus antepassados Bengala: Eu te odeio, Jaunpur Bengala: Mas eu odeio Delhi mais. Vamos ser sinceros, ele está se tornando uma grande ameaça… Imagina se ele se aliasse com outro país? Seria a nossa queda Jaunpur: Desembucha logo, vizinho incivilizado Bengala: Olha, eu só quero um pacto defensivo. E só contra Delhi. Nós não somos amigos, eu só quero nos defender da ameaça Jaunpur: Hã… tudo bem. Mas eu não confio em você. E não espere que eu te ajude nas suas aventuras no Sud este Asiático Castela: Ah, legal Castela: Parece que o casamento do meu rei com a rainha de Aragão trouxe eles em uma união pessoal comigo Castela: Eles já não são o que eram há algum tempo, mas… isso é até bom União de Castela e Aragão: União pessoal entre dois reinos Castela: Agora… Portugaliza, prepare-se. Você sabe o que quero dizer Portugaliza: Hã? Ah, sim. Claro Nápoles: Bem, Veneza. Quando atacaremos a Bósnia e a Sérvia? Veneza: Você é muito impaciente, jovem. Eu estou planejando outra coisa agora. Duas coisas, na verdade Veneza: Eu tenho uma rede de espiões por toda a Europa. Nenhum plano de nenhuma nação é ignorado Veneza: Um certo país islâmico está planejando algo muito grande para depois. Sua religião foi arrasada pela queda dos Timúridas, afinal Veneza: É aí que entraremos e lucraremos muito Veneza: Mas nós dois sozinhos não vamos conseguir encarar ele. Eu peço a você, Nápoles, que convide sua amiga Sardenha ao nosso pacto Nápoles: Vejo que nada pode ser escondido de você. Tudo bem Sardenha: Seria uma honra me juntar a vocês, irmãos Liga Italiana: Aliança entre Veneza, Nápoles e Sardenha Túnis: Agora que eu percebo que estou em uma situação extremamente precária Túnis: Com a queda dos Timúridas e o declínio constante da Horda Dourada Túnis: Acho que o próximo poder islâmico está bem aqui, ao meu lado Túnis: Hmm Polônia: Finalmente eu tenho acesso ao Mar Negro Polônia: Eu realmente deveria expandir de novo agora que as uniões estão estáv- Polônia: Hm. Que interessante. Muito… muito… interessante Polônia: O que vocês dois acham?